sábado, 11 de agosto de 2012

Meus Top15 mostra mais de 15 Pontes uma mais linda que a outra,vale a pena olhar!


1 – PONTE IMORTAL (CHINA)


O Monte Tai, na província Shandon, tem significado cultural e religioso há milhares de anos. É uma das cinco montanhas sagradas da China e está associada com o surgimento de nascimento e renascimento. Se você quiser ir até lá, no entanto, vai encontrar com isso: a Ponte Imortal. Essa ponte é composta por três pedras enormes e várias pequenas. Abaixo dela há um vale, e ao sul um abismo.
Ninguém sabe ao certo como essas enormes rochas foram parar em seu lugar atual, mas é bastante provável que estejam assim desde a última idade do gelo.

2 – A VELHA PONTE DE KONITSA (GRÉCIA)
Essa ponte centenária está em cima do rio Aoos, na Grécia, que fica cheio no inverno. Se você olhar cuidadosamente para o meio da ponte, verá um pequeno sino. Os moradores locais dizem que quando há vento suficiente para fazer o sino soar, é perigoso demais atravessar a ponte.
3 – PONTE DE CARRICK-A-REDE (IRLANDA)
Carrick-a-Rede é uma ponte de corda suspensa perto de Ballintoy, Irlanda do Norte. A ponte liga o continente à ilha minúscula Carrick. Ela tem um alcance de 20 metros e fica 30 metros acima das rochas abaixo. Hoje, a ponte é principalmente uma atração turística, recebendo 247.000 visitantes em 2009. Quando está ventando, atravessá-la é uma experiência (terrível se você tiver medo de altura) emocionante.
4 – PONTE REAL DO DESFILADEIRO (EUA)
A ponte é uma atração turística perto de Canon City, Colorado, dentro de um parque temático. A ponte está 291 metros acima do rio Arkansas, e deteve o recorde de maior ponte do mundo de 1929 até 2003, quando foi superada pela ponte sobre o rio Beipanjiang, na China. É uma ponte pênsil com um vão principal de 286 metros. A ponte tem 384 metros de comprimento e 5,5 metros de largura, com uma passarela de madeira com 1.292 tábuas. Está suspensa a partir de torres que estão a 46 metros de altura.
5 – PONTE DE CORDA INCA (IMPÉRIO INCA, PERU)
As pontes de corda incas eram pontes de suspensão simples sobre cânions e desfiladeiros que forneciam acesso para o Império Inca. Pontes desse tipo eram adequadas, pois os incas não usavam transporte sobre rodas. Essas pontes foram parte integrante do sistema viário inca e são um exemplo de inovação em engenharia. Elas eram usadas com frequência para entrega de mensagens.


Os incas usavam fibras naturais encontradas na vegetação local para construi-las. Essas fibras eram tecidas em conjunto a uma corda suficientemente forte e eram reforçadas com um piso de madeira. Cada lado era então ligado a um par de âncoras de pedra, e diversos cabos. Os cabos que sustentavam o caminho eram reforçados com galhos entrançados. Esse sistema era forte o suficiente para levar até os espanhóis com cavalos depois que eles chegaram. No entanto, as pontes enormes eram tão pesadas que tendiam a cair no meio, e isso fazia elas balançarem com ventos fortes.
Parte da força e da confiabilidade da ponte vem do fato de que cada cabo era substituído a cada ano pelos moradores locais. Em alguns casos, os camponeses locais tinham a única missão de manter e reparar as pontes. A maior ponte desse tipo residia na garganta Apurimac, ao longo da principal estrada norte de Cuzco.
6 – PONTE SUSPENSA PULAU LANGKAWI (MALÁSIA)

O céu se estende em torno da ponte desfiladeiro em Pulau Langkawi, que é a maior ilha do arquipélago de Langkawi, na Malásia. É suspensa a 687 metros acima do nível do mar, oferecendo vistas magníficas sobre o Mar de Andamão e a ilha Tarutao da Tailândia. A vista da ponte é de tirar o fôlego – suas curvas oferecem diferentes perspectivas das paisagens. Ela é uma das pontes mais espetaculares do mundo. Tem um único cabo suspenso por apenas uma coluna de apoio. Esta coluna de 95 metros é mantida por 8 cabos de balanceamento de carga. A ponte tem 125 metros de comprimento e 1,83 metros de largura.
7 – PONTE DE OJUELA (MÉXICO)
A ponte de Ojuela fica a noroeste da cidade de Durango, no norte do México. A cidade é hoje conhecida como uma cidade fantasma, por causa do minério esgotado. A única estrutura sobrevivente e funcional é uma ponte suspensa, conhecida como “Puente de Ojuela” pelos moradores. A ponte original foi projetada pelos famosos irmãos Roebling, que também desenharam a ponte do Brooklyn, EUA. Na época da construção, a Ponte de Ojuela era a terceira maior ponte suspensa do mundo. Foi reconstruída recentemente pela empresa Peñoles, e a original foi demolida. Apenas os arcos principais estão em exposição.
8 – PONTE SUSPENSA DE HUSSAINI (PAQUISTÃO)
Conhecida como a ponte mais perigosa do mundo, a Ponte Suspensa de Hussaini é apenas uma das muitas pontes de corda precárias do norte do Paquistão. A viagem naquela região é muito difícil, e inclui pontes frágeis que atravessam montanhas, córregos e rios.
Entre elas está a Hussaini, cruzando o lago Borit. Esta ponte de corda é longa e mal conservada. Muitas tábuas estão faltando, e os ventos fortes a abalam. Apesar de seu aspecto perigoso, a Hussaini é uma ponte relativamente segura e tem se tornado uma atração turística, com curiosos testando seus nervos enquanto tentam atravessá-la.
9 – PONTE SOBRE O RIO VITIM (SIBÉRIA)
A ponte é feita de madeira e não está em boa condição. É larga o suficiente apenas para um carro, mas tem 570 metros, por isso são precisos bons 3 minutos para atravessá-la – se você for um piloto qualificado. Se você não é tão hábil, pode encarar uma queda de 15 metros no rio Vitim, que não é nada divertida: como a ponte está na Sibéria russa, a região torna-se brutalmente fria a maior parte do ano, com temperaturas muito abaixo de zero e coberta de neve e gelo.
A ponte se transforma em um pingente, sem nenhuma tração, ainda assim os locais a usam, por ser a única forma de cruzar o rio.
10 – PONTE NATURAL DE BRYCE CANYON (EUA)



A Ponte Natural, atração popular do parque nacional americano Bryce Canyon, não é na verdade uma ponte. Sua nomeação causou um alvoroço entre os geólogos porque, mesmo que a estrutura natural pareça uma ponte, é na verdade um arco.


 Ponte Queen Emma - Curaçao 3. Pabellón Puente -Zaragoza, Espanha 4. Ponte de la Barqueta - Sevilha, Espanha 5. Ponte de Orinoquia -Venezuela 6. Ponte ferroviária sobre o rio Beipanjiang - Guizhou, China 7. Ponte do Alamillo - Sevilha, Espanha
8. "La Pont Du Gard" - Gardon, França
9. Ponte de Johnson Street - Victoria, Canadá
10. Ponte Suspensa - Bilbao, Espanha
11. Ponte Gateshead Millennium -Reino Unido
12. Ponte em espiral Kawazu -Nanadaru, Japão
13. Ponte de Conwy - Reino Unido
14. Ponte Amgen - Seattle, EUA
15. Ponte da Bahía Hangzhou - China
16. Ponte Webb - Melbourne, Austrália
17. Ponte-túnel Monitor-Merrimac Memorial, Autopista 664 -
Hampton Roads cruzamento para a Interestadual 664- Virgínia, EUA
18. Ponte Nanpu - Shanghai, China

19. Ponte Benjamin Constant - Manaus, Brasil20. Ponte Newton Navarro ou Ponte Forte-Redinha - Natal, Brasil

21. Ponte Astoria - Oregon
22. Ponte Sporenburg - Amesterdão, Holanda
23. Ponte Borboleta - Reino Unido
24. Ponte Crazy - EUA
25. Eye of Tianjin - Ponte Yongle - China
26. Ponte Hawthorne - Downtown, Portland
27. Ponte Henderson Wave - Singapura
28. Ponte Khaju
29. Ponte Kintaikyo - Japão
30. Ponte Langkawi Sky - Ilha Landkawi, Malásia
31. Ponte 25 de Abril - Lisboa, Portugal
32. Ponte Magdeburg Water - Alemanha
33. Ponte Nescio - Amesterdão, Holanda
34. Ponte Oliveira - São Paulo, Brasil

35. Ponte Pisgah Covered
36. Ponte Du Gard
37. Ponte Brooklyn
38. Ponte Construtor João Alves - Aracaju, Brasil
39. Ponte da Arrábida - Porto, Portugal
40. Ponte das Lezírias - Carregado, Portugal
41. Ponte De La Barra - Uruguai
42. Ponte De La Chapelle -Lucerne, Suíça
43. Ponte de Pávia - Lombardia, Itália
44. Ponte do Infante - Porto, Portugal
45. Ponte do Rio Suzhou-Nantong Yangtze
46. Ponte Dom Luís I - Porto, Portugal


Um comentário:

Enquanto Mulher disse...

Nossa, quanta ponte linda!!! Eu adoro a de SP (Oliveira)! Cheguei aqui pelo dHITT, depois passe lá no meu http://enquantomulher.blogspot.com e indique para as amigas, está rolando SORTEIO!

Abçs Patricia