domingo, 24 de fevereiro de 2013

Querem saber mais de 15 coisas, que os homens tem de bom?

Leitor: As mulheres sempre põem defeitos nos homens, mas quero saber das mulheres uma coisa: 


O QUE OS HOMENS TÊM DE BOM?

Obs.: não gostaria de respostas "anatômicas" do tipo: músculo, pênis, barriga, pêlos etc.



      Talvez o que os homens tenham de bom seja justamente essas diferenças que nós mulheres tanto criticamos, como não prestar atenção a detalhes, serem mais objetivos, mais racionais, não gostarem de parar para pedir informação quando estão perdidos, não gostarem de ouvir queixas da parceira sobre a relação e etc., porque são exatamente essas distinções de gêneros que irão permitir que ambos os sexos se complementem em uma relação amorosa, garantindo o seu equilíbrio. Imagine se os dois fossem psicologicamente iguais... provavelmente não encontrariam motivos para estarem juntos. São nesses momentos que vale aquela máxima árabe, a qual diz que “dois comandantes afundam um navio”. Percebe-se daí que essas diferenças são de certa forma até necessárias e no dia-a-dia geram até um conflitozinho gostoso.

Observe que no que tange às diferenças psicológicas entre sexos, quase sempre falta em um aquilo que sobra no outro. Como exemplo prático disso, basta notar que na maioria das vezes a mulher é mais emotiva, ao passo que o homem é quase sempre mais racional. Repare ainda que o homem não se apega a detalhes e talvez por isso consiga ser mais objetivo, pois obviamente prestar muita atenção a pormenores interfere na objetividade.

Quem é que tem mais dificuldade para se localizar? Geralmente é a mulher e isso é um defeito de fábrica que a maioria de nós possui, posto que, segundo os cientistas, são os homens que utilizam mais o hemisfério esquerdo do cérebro, o qual está relacionado com a percepção temporal e espacial.

Você diz que as mulheres sempre estão colocando defeitos nos homens. Provavelmente a queixa mais recorrente que tenha ouvido entre elas é que os homens se mostram pouco disponíveis para ouvi-las. Bem, até isso já tem uma explicação científica: diz a ciência que a testosterona diminui a audição. Talvez isso possa explicar por que vocês fogem tanto da famigerada DR rsrsrsrs...

Por isso, uma boa forma de um homem conquistar uma mulher é demonstrando interesse pelo que ela fala, pois é falando que a mulher exterioriza seus sentimentos. Então, quando um homem dá atenção ao que uma mulher diz, está demostrando que se importa com os sentimentos dela também. Claro que, quando eu falo ouvir, não estou me referindo a escutar as lamentações dela em relação àquele cafajeste com quem ela fica, porque se você se predispuser a ficar ouvindo esse tipo de lamúria, corre sério risco de ficar na friend zone, sendo apenas o amigo bonzinho para momentos de tensão emocional.

Você diz que não gostaria de receber uma resposta fundada em argumentos anatômicos. Porém você há de convir que esse aspecto exerce fundamental importância no que diz respeito à atração que um gênero sente pelo outro. Afinal de contas, as características peculiares a um sexo são diretamente opostas àquelas que são próprias do outro. Quer um exemplo? A mulher tem a pele mais macia, ao passo que o homem tem a pele mais áspera. A mulher tem a voz mais aguda. O homem tem a voz mais grave. A mulher tem o órgão sexual côncavo. O homem tem o genital convexo, o que possibilita, durante uma relação sexual, uma união perfeita ao ponto de permitir ao homem adentrar o corpo da parceira. A mulher é fisicamente mais frágil. O homem é mais forte, justamente por desenvolver mais músculos que a mulher. Então mais uma vez se consegue demonstrar aqui que o que “une” ambos os gêneros são exatamente as diferenças próprias de cada sexo, que faz com que um necessite do outro para que complete nesse outro aquilo que falta em si mesmo.

Após ler isso, você talvez esteja pensando: ora, mas pessoas do mesmo sexo também podem se sentir atraídas umas pelas outras. Sim, podem! Mas observe que mesmo em relações homoafetivas, você vê personificado em um dos parceiros a figura do sexo oposto através de trejeitos e comportamentos. Dessa forma, em relações com esse formato, quase sempre haverá um parceiro mais afeminado que o outro no caso de envolvimento homossexual entre homens ou mais masculinizada que a outra em situações de relação homossexual entre mulheres. Desse modo, mesmo em uma relação entre pessoas do mesmo sexo, haverá implicitamente a figura do homem e da mulher. Pelo menos eu desconheço relações homoafetivas sem essa característica.

Por fim, te recomendo a leitura de um texto publicado aqui no blog intitulado “Que Charme Um Homem Deve Ter?". Talvez ele o ajude a compreender melhor o que a mulherada tanto espera dos homens.

Nenhum comentário: